• RMF/Tawany Santos

As vésperas da final, primeira transexual a disputar título dispara, “Achei que meu apoio a Bolsonar


O concurso Miss bumbum está na sua oitava edição.

O concurso Miss bumbum está na sua oitava edição. Essa é a última edição do concurso como é conhecida no Brasil. Nos seus oito anos de existência, ele revelou nomes que figuraram os maiores sites de fofocas e reality shows dentro e fora do Brasil.

Na próxima segunda-feira, dia 5, no comando da modelo Gracyanne Barbosa, ex-BBB Kaysar Dadour e com a apresentação da vencedora do segundo Miss Bumbum Japão, o Brasil irá conhecer a nova Miss Bumbum.

O que chamou atenção de jornais do mundo inteiro foi a finalista transexual Paula Oliveira, 27, representante do estado do Amazonas.

Paula, que se orgulha em dizer que teve o apoio do pai na busca de cirurgias de mudança de sexo revelou: “Meu pai me apoiou em tudo. Fiz a minha cirurgia de mudança de sexo pelo SUS (Sistema Único de Saúde) há 6 anos” .

Ela ressalta a importância sobre sua participação na competição e a sua estrondosa repercussão de sua chegada à final.

Fotos: Patrick Britto | CO Assessoria

“Me sinto muito feliz só de pensar que poderei ganhar o título. Em especial, eu quero mostrar que nós somos iguais a todos, sejam trans, gays ou lésbicas, somos seres humanos em primeiro lugar”.

Fotos: Patrick Britto | CO Assessoria

Questionada sobre sua posição política na primeira fase do concurso, ela finaliza. “Eu mudei de candidato depois que realmente vi as propostas políticas da sua campanha e devido o posicionamento dele.

Eu não concordei, e achei que isso não me levaria pra final”.

Por Tawany Santos - SP

Colaboradora na RMF/OnLine

#GracyanneBarbosa #KaysarDadour

0 visualização

   ®2020 by Revista Mundo da Fama On Line